quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Cartilha da LNT contra pedofília


Cartilha da LNT contra o abuso e exploração sexual 
de crianças e adolescentes


 


Legião Nacional Trabalhista – Movimento Nacionalista, Tradicionalista e Trabalhista!



Dia Dezoito de maio, este dia que vem não só para consolar as vítimas e suas famílias, mas também vem para nos alertar e nos ajudar a combater um dos maiores males da humanidade que infelizmente ainda nos assombra e nos persegue: O ABUSO E EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES.
O mundo liberal atual vê em tudo que envolva erotismo uma máquina de gerar dinheiro, isto não é de hoje e a indústria pornográfica não nos deixa mentir. Por mais problemático que isso seja e principalmente por ser um defeito de nossa sociedade contribuir com isso. Hoje há algo ainda mais doentio e tenebroso que deve ser combatido com a maior das URGÊNCIAS: a comercialização da imagem erotizada de crianças e adolescentes em músicas, livros, desenhos e etc., com o intuito de usurpa-las de sua inoscência para colocar as mesmas no mercado de conteúdo erótico.
Recentemente existe uma tendência principalmente na música com o intuito de “erotizar” crianças e trazê-las para um mercado enorme de pedófilos e pais perturbados.
Um dos mais famosos casos é o do músico Mc Belinho, que com ambição de conseguir mais dinheiro e mais prestigio decidiu debutar sua filha de até então apenas 8 anos de idade no mundo do funk “proibidão” fazendo com que usasse roupas de adulto bem eróticas e com músicas de teor explicitamente sexual, ela destacou-se muito(negativamente) devido ao “tabu”, causando uma grande repercussão em nossa sociedade e até mesmo chegando a chamar a atenção do Ministério Público de São Paulo que o investigou-o por “Violação ao direito e ao respeito e à dignidade de crianças/adolescentes".
É preciso que a sociedade saiba o que é e principalmente saiba a gravidade do problema com o qual estamos lutando e o mais importante, saiba como combater isso!


Pedofilia, o que é?
Pedofilia é uma doença que faz com que adultos sintam uma doentia atração sexual por crianças de 14 anos para baixo. Muitas vezes causados por problemas psicológicos ou por exposição à imagens de crianças sendo expostas de maneira indevidas(como no caso da Mc Melody).


Qual a gravidade do problema?
Já vivemos em uma sociedade onde os valores e tradições estão cada vez mais se deteriorando junto com a boa moral cristã a qual nós brasileiros nos inspiramos a mais de 500 anos. Infelizmente muitos cristãos, ateus, muçulmanos mais conservadores, ou seja, pessoas de bem, vem se conformando com essas monstruosidades que o liberalismo vem jogando contra nós e nossas crianças já virou tanta rotina que estamos nos acostumando, para evitar um futuro de pessoas perversas temos que proteger nossas crianças de todos os males da ganância e perversidade dos homens para evitar um futuro de pessoas mal-intencionadas temos que proteger nossas crianças de todos os males da luxuria e perversidade de potenciais pedófilos.
Para piorar em nosso país a cada vez mais uma tentativa por parte de políticos, principalmente de partidos como: PSOL, PSTU, PCB, PT, e de políticos como Jean Wyllys(PSOL-RJ), Fernando Haddad(PT-SP) e etc... de incentivar nossas crianças a cometer atos sexuais e a praticar masturbação em frente aos colegas e amigos com o objetivo dado de conhecer o próprio corpo com projetos como: “Kit-Gay”(cujo nome é um disfarce) e a integração da “Ideologia de Gênero” no Plano Nacional de Educação - uma observação, graças a igreja católica e a todos cristãos e mais explicitamente dizendo aos padres José Eduardo e Paulo Ricardo os verdadeiros reis dessa cruzada as seguintes leis não passaram -, é preciso que fiquemos atentos nos sites de notícias e também nas publicações da LNT para caso os políticos tentem atacar novamente contra a família tradicional brasileira.

Como combater/e ou evitar a pedofilia em 6 passos!

1 - Descubra se há pedófilos em seu bairro.
Você pode verificar isso com a polícia. Você pode colher informações úteis e fazer denúncias discando 100, o número do Disque Denúncia. Online, a denúncia pode ser feita a partir deste site: http://www.disque100.gov.br/

2 - Verifique as atividades extracurriculares de seu filho.
A melhor maneira de proteger seu filho contra pedófilos é se envolvendo o máximo possível na vida de seu filho. Eles procurarão por uma criança vulnerável e que não recebe muita atenção dos pais. Apareça nos jogos, ensaios, excursões e passe algum tempo com os adultos que participam da vida de seu filho. Deixe claro que a criança possui uma estrutura familiar forte.


3 -Caso tenha uma babá, coloque uma câmera em sua casa.
Em alguns momentos você não poderá estar presente, portanto use recursos para ter certeza de que seu filho permanecerá seguro.

4 - Ensine seu filho sobre segurança na internet.
Certifique-se de que ele saiba que as pessoas perigosas podem fingir que são crianças ou adolescentes para atrair as crianças na internet. Monitore seu filho enquanto ele estiver usando a internet e crie regras para estabelecer limites. Converse sempre com seu filho sobre as pessoas com as quais ele está conversando.
-Certifique-se de que seu filho saiba que nunca deve enviar fotos para uma pessoa que conheceu na internet, nem marcar encontros com essas pessoas.
-Saiba que as crianças normalmente escondem coisas que fazem na internet, portanto você precisará ter muita atenção para manter-se informado.

5 - Garanta que seu filho sinta-se emocionalmente protegido.
 Como as crianças que não recebem muita atenção costumam ser mais vulneráveis, lembre-se de passar bastante tempo com seu filho para que ele sinta-se protegido. Tenha tempo para conversar com seu filho todos os dias e construa um relacionamento aberto e de confiança.
-Demonstre interesse por todas as atividades de seu filho, como os trabalhos da escola, as atividades extracurriculares, os hobbies e outras coisas.
-Faça com que seu filho saiba que pode contar qualquer coisa para você e que você sempre estará disposto a conversar.

6 - Identifique quando alguém estiver agindo de maneira diferente com seu filho.
Se perceber que seu filho está tendo um comportamento diferente, aborde o assunto para descobrir o que há de errado. Perguntar regularmente a seu filho como foi o dia dele.
-Nunca descarte o que seu filho disser, mesmo que o adulto em questão seja um membro confiável da sociedade ou parecer incapaz de fazer algo assim. Isso é exatamente o que o molestador quer.
-Lembre-se de que a coisa mais importante que você pode fazer para proteger seu filho é prestar atenção a ele. Avalie suas necessidades e desejos, converse com ele e, o mais importante, seja o melhor pai que puder. Para finalizar, não se esqueça: se você não prestar atenção a seu filho, outra pessoa o fará.


OBS: esse texto foi escrito dia 18 de maio.

Fontes:




Nenhum comentário:

Postar um comentário